quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Só mais um pedaço

" O meu amor faísca na medula,
pois que na superfície ele anoitece
abre na escuridão sua quermesse.
É todo fome, eis que repele a gula."

( estrofe de " Poderes Infernais", do Drummond)

2 comentários:

simplesmentemonalisa disse...

Ai ai! *supiros*

Cíntia Mara disse...

Preciso dizer (de novo) que eu amo Drummond? Pode colocar quantos pedaços você quiser!