sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Mais um dos contos da "Tia" Juliana...

Façamos o seguinte: imaginem que vocês têm 16 anos, estudam num colégio perto de casa e têm um grande talento pra irritar professores e organizar fugas das aulas nos dias de jogo do Flamengo. Imaginaram?

Imaginem, agora, que vocês têm 16 anos e trabalham como entregadores de quentinhas num restaurantezinho perto de casa. Tão imaginando?

Pois bem, numa bela tarde de quinta -feira, você sai com sua bicicleta pra fazer uma entrega. Alguém quer comer bife, batata frita, salada, arroz e feijão. Chegando  no endereço de onde partiu o pedido, você chama: " Mooooça! Moooooça!".

Agora me digam o que sentiriam se ,em vez de uma senhorinha qualquer, aparecesse no portão simplesmente a SUA PROFESSORA DE PORTUGUÊS, aquela cuja aula você e seus colegas mataram por causa do jogo.

***

Gente, não dá pra descrever a  cara que o menino fez ao me ver! Não dá! Os olhos dele devem ter ficado do tamanho de pires. Juro! O pobre levou uns dez segundos pra conseguir articular um " boa tarde".

Mal sabe o rapaz que eu sabia que ele trabalhava lá e que reconheci a voz ao telefone, quando liguei pra fazer o pedido. 

Para que vocês não fiquem aí me achando muito má, devo deixar claro que , quando o menino começou a gaguejar freneticamente umas desculpas sobre a aula assassinada na noite anterior, eu disse pra ele relaxar, que nem ele nem eu estávamos na escola naquele momento.

Agora, fiquei me perguntando: será que devo continuar pedindo comida nessa pensão? É um risco que vou correr, porque a comida é boa demais! =P

3 comentários:

Vanessa Carneiro disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkk
tadinho do guri!

Cíntia Mara disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Como sempre, morri de tanto rir. Tadinho do garoto!

Débora Leite disse...

hahahahahaha

Tadinho nada!!! Ainda mais pra assistir jogo do flamengo! Affão!!!