sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

No barzinho, com a amiga, ouvindo uma bandinha tocando  Fresno, Justin Bieber e afins. Acreditem, nós não sabíamos que teria música ao vivo.

A amiga diz: "E o Fulano? Cara, lembra do Fulano? Você detestava ele."

Eu , franzindo a testa: " Fulano? EUUU detestava ele?

 A amiga:  " Detestava sim.Você fazia uma cara horrrível quando ele  falava contigo e dizia que ele era a pessoa mais chata do mundo. Ah, tinha aquela menina, a Sicrana tb! Vc odiava ela. Lembra?"

Eu: " Puxa, é mesmo! Ela era insuportável, aff!"

A amiga: " Você detestava todo mundo. O Beltrano, tadinho! Eu tinha pena dele. Você fazia cara de tédio. Nossa, me dava uma pena."

Eu: " Ahhh, mais o Beltrano... meu Deus! Morrer era mais legal do que ficar perto dele."

A amiga: " Mas vc odiava TODO MUNDO!

Eu: " Eu não odiava,não!Ah, nem vem! VOCÊ me detestava! Eu me lembro da cara horrorosa que vc fazia quando olhava pra mim. Morria de medo de tomar um fora seu. "

A amiga: " Ah, mas eu me redimi!"

Eu : " E eu não?"

Silêncio.

O mal de se ter os mesmos amigos há mais de dez anos é que eles sempre  sabem como você  era e como você é de verdade.

3 comentários:

Cíntia Mara disse...

Ju... Me manda por e-mail aquelas fotos que a gente tirou em Florianópolis? Eu peguei do seu Orkut, mas copiando assim a resolução não fica boa. Vou mandar revelar.

(Pode apagar esse comentário, só escrevi aqui porque tô com preguiça de mandar e-mail, rs)

Borboletas nos Olhos disse...

Tá, eu ri. E fiquei assim, desejando ser uma pessoa que detestava todo mundo.

Psicologia 2008 disse...

kkkk meus amigos são assim tbm... oh ceus, oh vidas!
bjus,
Lia