sábado, 2 de abril de 2011

Se der mole, eu surrupio " mermo"!

Na base do furto,  peguei da Luciana:


"Eu Só Queria Dizer

Em círculos, eu escrevo em círculos. São os mesmos desejos, as mesmas figuras, as mesmas  palavras. O mesmo ponto final, sempre desejando ser vírgula, intervalo, suspiro antes que, de novo, seja este um corpo feito letras que te desejam. Em círculos, escrevo em círculos, eu não vou a lugar algum, todos os lugares são sempre o mesmo, aquela estação onde seguro um coração em forma de mala e anseio por mãos, cheiros e sabores que sempre adivinhei. Em círculos, eu escrevo em círculos como palavras fossem braços e eu pudesse - em ditos - abraçar-te, trazer teu corpo pro meu. Tento fazer, de círculos, estrada. Ou redemoinho, que te alcance e te arrebate. Eu só queria dizer: vem"


Ah, claro, não devolvo, Lu! Não devolvo!

***

Agora vou ali aproveitar o solzinho que vem chegando manso, pra ver se essa gripe braba e essa febre mala sem alça vão embora de vez.







2 comentários:

Borboletas nos Olhos disse...

Menina num é que aqui ficou muito mais bonito...?

Rita disse...

Isso, Juliana, divulga que o negócio é forte.

Bj
Rita