domingo, 8 de maio de 2011

Inefável

Tem alguma coisa a ver com perdão e gentileza. Tem a ver com cabelo molhado, pé descalço, livro enorme de que você gosta. Tem a ver com você e não com os outros.

Tem a ver com melancolia, tantas vezes. Melancolia é bonito, melancolia é uma palavra doce e engraçada que parece fazer círculos dentro da boca, entre  o céu e a língua, antes de sair. Melancolia é aquilo que pressiona o tampo da cabeça sem mais nem menos, de repente, e te faz engraçada aos olhos de quem não sabe como é ser ao sabor das marés.

Tem a ver com uma palavra dita casualmente. Tem a ver com o que desperta em algum canto do cérebro e te invade totalmente, como uma onda do mar que vem e te derruba. É como estar girando dentro da onda, é como não saber o que dizer porque não se lembra de nada além do que não foi dito.


Tem a ver com boca meio seca, meio encharcada. Tem  a ver com zumbido no ouvido, com coração apertado, com cabeça que não para quieta, com pensamento que vai mais rápido do  que se pretende - pensamento que salta e escapa como a próxima cena de um sonho que nunca chega.

É mais bonito que solidão, é mais fácil que tristeza, é mais estranho que amor.

Tem a ver, mas não é. Só tem a ver.

3 comentários:

Borboletas nos Olhos disse...

Sei coméqueé...

Rita disse...

"Melancolia é bonito, melancolia é uma palavra doce e engraçada que parece fazer círculos dentro da boca, entre o céu e a língua, antes de sair."

Ai, que lindo, Ju!

Bj
Rita

Maeve Rêgo disse...

Tem a ver, mas não é.