quinta-feira, 24 de novembro de 2011

A surdinha e o caladão



Eu estive surda de um ouvido durante os últimos cinco dias, mas agora já voltei a ouvir.  Tudo começou com uma gripona que me derrubou, passou pra um incômodo no ouvido esquerdo e culminou na angustiante sensação de ter um tampão pulsando dentro da cabeça. Hoje , por fim, consegui arranjar um horário  numa Otorrino, encarei uma sala de espera cheia de bebês fazendo exame da orelhinha ( não me perguntem o que é) e acabei com os ouvidos cheios de água morna e o atestado de que meu ouvido esquerdo é muito pequenininho.  Passei os últimos dias pesquisando freneticamente sobre surdez e pedindo a Deus que realmente  que o meu organismo fosse somente um grande produtor de cera. E é isso mesmo: meu ouvido tava cheio de cera e com uma pequena inflamação.

Se bem que a surdez temporária tem seu charme. Quando aquela pessoa chatérrima estiver falando, você pode posicionar o ouvido tampado pro lado dela e fazer cara de " ahan, claro, como isso é interessante!". Eu experimentei e me fez muito bem.

***

Pra terminar, a enquete do dia:

Eu tenho uma amiga. Essa minha amiga conheceu um cara bo-ni-to, ga-ti-nho, ar- ru- ma-di-nho, tipo assim, muita areia pro caminhãozinho dela. Como se não bastasse tanta formosura, o moço descobre o telefone da minha amiga, o moço convida minha amiga pra churrascos e sorvetes, o moço é bo- ni- to. Minha amiga manda reforçar esse aspecto da bonitice do moço.

Daí que a minha amiga sai por aí a passear com o moço e passa  metade do tempo pensando: chato, chato, chato, chato, meu deus, chato. É que o sujeito não fala, sabe! Não fala. Não emite opinião, não inicia um assunto, não defendeu o time dele quando minha amiga disse que odeia o Flamengo. Dá pra entender?

Bem, minha amiga quer saber: o problema  é do moço cuja língua foi comida pelo gato ou da minha amiga que parece ter se acostumado com os  tagarelas-malucos-estranhos dessa vida?

Dê a sua opinião, que eu conto pra minha amiga.

13 comentários:

Annie Adelinne disse...

E se ele só for tímido e demorar pra se soltar? Quem sabe com o tempo ele vai falando mais...

Juliana disse...

minha amiga manda dizer que os tímidos intimidam ela. =p

Luciana Nepomuceno disse...

se ela beijar mais vai sentir menos o tempo que ele fica em silêncio...

Deise Luz disse...

Ah, e se ele é tímido? Eu sou tímida e me solidarizo com meus colegas de timidez. Vê se o moço não se sente mais à vontade com o tempo...

Palavras Vagabundas disse...

Bonito...hum,pra que falar! Sou a chata, mas o carinha já não se acha suficiente com sua fina estampa? Timido o chato? Tudo tem duas faces.
bjs
Jussara

Laís Doce disse...

avisa pra sua amiga que passei pelo msm problema...kkkkk e hoje o timido ta casado comigo e falando mais do que eu as vezes!! Mas só comigo!!! ;)

Juliana disse...

lu, minha amiga disse que o carinha não é um grande primor nessa categoria. Falta uma pitada de química, sabe! Se bem que ela tá em dúvida se não tá em crise porque o bonitão tímido é muita areia pro carrinho de mão dela.


Deise, eu nunca te imagino tímida. Olha, eu não sei lidar com pessoas tímidas. eu acho que a pessoa tá calada porque não tá à vontade, então eu preciso fazer algo pra deixá-la feliz. Eu sei que tenho que aprender a deixar os tímidos em paz.

Jussara, eu acho que o moço não é do tipo " sou lindo e isso basta", não. Acho que minha amiga é que é tagarela por demais.

Cíntia Mara disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cíntia Mara disse...

Ah, Ju... Deixar em paz um tímido que você não conhece ou que quer ficar sozinho é uma coisa. Mas sair e não conversar? Assim fica difícil!

la mariachi disse...

É uma situação meio complicadinha mesmo. Super entendo você. Já passei por experiências de sair com caras caladões demais, é muito chato. Porque eu também sou um pouco tímida no começo, então preciso de alguém mais falante pra eu me soltar.

Mas acho que você deve dar mais uma chance, esperar mais um pouco, talvez ele ainda se solte...

não deixe de nos contar o desenrolar da história... haha

beijo!

Juliana disse...

minha amiga dará notícias.

Deise Luz disse...

Ju, meu atestado de lerdeza: dia desses eu tava pensando em alguma coisa que me fez lembrar desse seu post. Daí fiquei lá pensando "é, a história da amiga de Juliana" e depois "opa, e se não tinha amiga nenhuma?! geeente, ela estava falando dela mesma!" e achei tão surpreendente hahahah.

Juliana disse...

Deise: kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Vc descobriu meu segredo.