terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Adeus,fungos malditos!




Tenho que falar do presente que a Rita escolheu, mas nada agora pode ser tão importante quanto o fato de que MEU OUVIDO ESQUERDO VOLTOU A FUNCIONAR. Desculpem a caixa alta, mas o tamanho da letra equivale ao tamanho da minha felicidade. Ficar sem ouvir direito já tava me enlouquecendo. De início, não tava muito preocupada, achei que só a lavagem daria conta de desobstruir o canal auditivo. Nada! Fui numa médica  que  passou o remédio errado e fez lavagem sem examinar antes. A surdez que achei que estivesse curada voltou um mês depois, acompanhada de um zumbido insuportável. Não sei o que é pior: não ouvir ou ter um constante barulho de televisão velha dentro da tua cabeça.




Semana passada, depois de tentar marcar consulta com 3 otorrinos diferentes, encontrei uma otorrino atenciosa, que se interessou em perguntar se eu tomava remédios, quis saber qual era o meu emprego e ainda olhou o ouvido com cuidado antes de  tacar água la dentro. Hoje, depois de uma semana de antibióticos, uma boa parte dos fungos foram pro céu dos fungos. Gente, eu mal acreditei no tamanho da gangue de fungos que se apossara  do meu pobre ouvidinho! Erc!Ainda não posso comemorar totalmente porque é preciso usar o remédio por mais um tempo, lavar o cabelo com cuidado e manter distância do mar. Mas não tem problema, contanto que eu continue ouvindo direitinho.





2 comentários:

Felipe Fagundes disse...

Como você arrumou companhia desses fungos? o.O

Deve ser horrível mesmo ficar sem ouvir. Com certeza com o zumbido é pior. Ainda bem que já deu jeito ;)

PS: É tão bom encontrar esses médicos legais, né? Quando eu estava com a cara toda branca (MAIS branca) conheci a dermatologista mais legal do Rio de Janeiro *-*

Juliana disse...

Olha, não tenho a menor ideia. Pelo o que tava lendo, os fungos tão aí pelo ar e se alojam mesmo nos ouvidos. Acontece que nosso corpo dá um jeito de matá-los. No meu caso, estou com baixa imunidade, segundo a otorrino, então os fungos fizeram morada no meu ouvido. De fato, não tenho comido direito e andei meio estressada mesmo.

Vc precisava ver o tamanho do troço que saiu do meu ouvido...