quinta-feira, 26 de abril de 2012

Comidinhas

Montei uma brincadeirinha pra aula de amanhã  e resolvi  brincar aqui no blog também.  

Escreva a/o primeira(o) comida/alimento/bebida que vier na mente.

Se acabar, eu morro: Alho. Eu amo alho. Amo, amo, amo. Sou do tipo que doura um alhinho pra colocar no sanduíche, pra salpicar no arroz já cozido, pra misturar no ovo mexido. Fico sem saber o que fazer quando o alho acaba.  Vampiros jamais poderiam jantar aqui em casa.

Só como com uma faca no pescoço: Abóbora. Eu acho abóbora assim... meio... blergh... 

Não como nem com faca no pescoço: Passas. Nem se o Rodrigo Santoro aparecer na minha frente todo coberto de passas. ODEIO passas!

Só meu/minha................ sabe fazer: Só minha tia Regina sabe fazer um feijão preto que eu coma feliz, e só minha vó sabe fazer uma dobradinha com batata que eu coma sem pensar que tô comendo o bucho do boi.

Só eu não gosto: Açúcar. Não, nem mascavo, nem cristal, nem aquele que ainda vão inventar.

Companhia pra tevê: Não sou de comer vendo tevê, mas um biscoitinho cream cracker com requeijão enquanto vejo dvd é bem bom.

Levaria pra uma ilha deserta: Iogurte, brócolis e farofa ( já inventaram algo melhor que farofa? Quer me ver feliz, me dê uma farofinha bem gostosinha!). E comeria cada um deles separadamente, ok? Não se preocupem!

Faço como ninguém: Faço lasanhas bem honestas, bolos fofinhos e joelhos apreciados.

Aprendi a amar: Berinjela. Eu não amava, mas agora amo. Frita, em conserva, na lasanha.

Estrangeirice: Acabo de descobrir que não sei nada de comida internacional. A única coisa que vem à mente é aquela saladinha de restaurante árabe, tabule.

Minha trash food favorita: Trakinas. Esse biscoito é do mal, só digo isso. Ah, e também calabresa! Calabresa é critério de desempate. Isso aí leva calabresa? Pode colocar no meu prato.

Pra aquecer no inverno: Capuccino. huuuuuuuuuuummmm!

Pra refrescar no verão: Morango ao leite

Bons drink: eu bebo álcool duas vezes a cada milênio, mas, quando acontece, me jogo ( só um pouquinho porque ressaca é algo que não desejo experimentar) na caipiriiiiinha!

Legumezinho amigo: Cenoura. Raladinha, no arroz, no sanduíche.

Frutinha camarada: Morango. Amor eterno!

Pra ser feliz: Batata rosti e pizza.

( gente,  bons drink  é um item que só aparece aqui no blog. Não sou uma professora desnaturada que quer saber que tipo de bebida agrada aos alunos adolescentes. Até porque, se eu perguntar algo assim, receberei uma aula completa sobre o assunto. Podem apostar! Eu me espanto com o quanto essa meninada bebe!)

7 comentários:

Juliana disse...

só pra concordar: não, não inventaram nada melhor do que farofa. e eu amo trakinas.
:*

Luciana Nepomuceno disse...

vou fazer no Borboletas \o/

Deise Luz disse...

Eu <3 farofa. Sempre fico pensando que é a melhor coisa que já inventaram.

Você não é fã de doces não? Se eu fizesse essa lista todas as comidas preferidas seriam doces!

Juliana disse...

Ju e Deise, vamos inventar o clube " Nós amamos farofa"?

Ju, eu já fui muito viciada em trakinas de morango. comia sempre! Aí enjoei. Quando tô triste, deprimida, trakinas é a primeira coisa que vem na minha cabeça. hehehehe

Deise, eu não gosto de doces, o que é uma grande pena porque há umas tortas por aí que são tão fabulosamente lindas.

Ah, lu, faz sim! fiquei curiosa!

Cheshire cat disse...

Hahahaha, sou só amor por abóbora, viu?

Michelle disse...

Concordo plenamente com você nos 2 primeiros itens. Eu tb boto alho em tudo, mas abóbora só se for em doce, já que a infeliz nunca fica salgada mesmo...
bjo

Juliana disse...

Abóbora é um doce disfarçado de legume, eu acho! kkkk