terça-feira, 25 de junho de 2013

I-
Assisti ao musical do Tim Maia. É uma coisa muito linda, viu? E nem vi com o Tiago Abravanel. O Tim que vi era o Danilo de Moura, e fiquei me perguntando como deve ser  a performance do Tiago, uma vez que ele ganhou o papel. Porque, amiguinhos, o Danilo de Moura é um acontecimento.

Chorei, cantei, dancei.

II- 
Hoje eu olhei pras minhas canelas e me dei conta de uma coisa:  faz uns 15 anos que não preciso fazer bainha na calça. Preciso de cinto, preciso de pregas na cintura, preciso de numeração maior, mas a bainha tá sempre ok.  Tenho 1,69 m. O que fazem as mulheres altas de verdade, com pernas compridas?

III-
Achei que poderia procrastinar a castração da Emma. Resultado: em breve,teremos mais gatinhos nessa casa.

IV-
 Falo de amenidades pra fingir um pouquinho de normalidade, porque a vida tá frenética, viu. Me disseram que mudanças estavam por vir, e eu acreditei. Espero que eu não esteja metendo os pé pelas mãos.  Torçam para que eu não esteja metendo os pés  pelas mãos, please.

V-
Não quero mais falar das manifestações e das duas últimas semanas. Ainda tô cansada, confusa, como quem toma um caixote no mar.

Eu não fui pras ruas, não me sinto parte de gigante nenhum. Aliás, uma pulga se instalou atrás da orelha justamente quando um monte de gente muito diferente se apropriou das manifestações promovidas por um grupo específico. Tinha gente que sabia exatamente o que tava apoiando, tinha gente que só queria apoiar, e eu ali dividida entre me sentir uma alienada que prefere ficar em casa e a necessidade de saber direitinho por que eu deveria ir pra rua. O chamado era forte, mas tava tudo muito nebuloso. Aí um menino de 17 anos me chamou de antipatriota. Esse adjetivo ainda ecoa na minha cabeça.

Por favor,  não pronunciem a palavra " pacífica" por uns 10 anos perto de mim.

VI-
Ando com preguiça do blog. Será que o amor acabou?

VII-
Cês conhecem Petrópolis? Acho que deveriam todos correr pra lá.



por Silvana

3 comentários:

Rute de Almeida disse...

Nunca consegui uma foto inteira dessa igreja!

Palavras Vagabundas disse...

Ju, também não fui para a rua, e estou de saco cheio de "pacífica", escrevi um post meio indignada e ele encerra o assunto para mim.
De vez em quando também me encho do blog, mas ao fim gosto desse canal e volto. Dá um tempo.
bjs
Jussara

Raphaella disse...

"O que fazem as mulheres altas de verdade, com pernas compridas?" Choram :( #sadbuttrue
Sério, é horrível, tudo que serve bem, fica curto :(
E não é só calça: saia, vestido, blusa, camiseta, casaco,...
É triste! :(

Ah, tbm estou cheia das manifestações, passei exatamente pelo mesmo que vc: 1º tentar entender, dps a dúvida sobre ir ou não (e não fui), dps a incerteza qto ao que estava sendo apoiado... e agora não tenho mais ideia (e nem quero ter) em que pé andam as coisas.
Ah, e ainda tive que dizer o que acho pra gente de outros países q vieram perguntar sobre o que tava acontecendo u_u Agora se perguntarem vou falar: "não sei de mais nada. Boa sorte em tentar descobrir pq tá tudo muito confuso por aqui"