terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Fomos pra praia mais distante em busca do pôr do sol. Havia mais nuvens que sol, o céu estava fosco. Não houve pôr do sol visível, mas ganhamos uma festa de presente. Com os pés na água, espiamos o casamento que acontecia logo adiante. Vimos os padrinhos jogarem o noivo pro alto, vimos as daminhas correndo fofas, vimos os noivos e sua primeira dança. O vestido da noiva girava leve e suave. Confesso: sou uma romântica no que diz respeito a casamentos.

Não estivemos na festa nem tivemos pôr do sol, mas ficamos ali, ouvindo e cantarolando as músicas bonitas, a praia só pra nós, o céu anoitecendo com aquele azul nublado. Estávamos cansados da semana e da vidinha, mas naquela noite fomos alegres, exatamente como os convidados daquele casamento deviam estar.

Uma noite de trégua. 

***

Os noivos dançaram ao som dessa lindeza:







Eu nem sou fã do Milton, mas, jesus...



Nenhum comentário: