quinta-feira, 9 de julho de 2015

Cabelo cresce

Meu cabelo tava crescendo sem forma, caindo no olho, parecia franja de poodle.  Decidi cortar. Fui numa cabeleireira que minhas amigas amaram, depositei minhas esperanças na tal cabeleireira fodona e ... meu cabelo ficou uma merda. Hoje foi meu primeiro dia de cabelo ruim e só segurei o choro porque existem desgraças piores nessa vida. Mas que é difícil ser alegre sabendo que  teu cabelo tá péssimo, isso é. Passei o dia repetindo o mantra: cabelo cresce, cabelo cresce, cabelo cresce, cabelo cresce, cabelo cresce.

Uma amiga me disse que podia ser pior, bem pior: eu podia ter pintado com uma cor péssima. E tirar cor péssima de cabelo não é fácil. A outra amiga, que tem sempre fé em mim, disse que daqui  uns 3 dias eu tô bem resolvida e daqui uns meses contarei a história do corte ruim com bom humor. Eu, no momento só tô pensando mesmo em aproveitar que preciso emagrecer e controlar o colesterol e me mudar de mala e cuia prum filme de superação. Só saio na rua novamente quando estiver saudável, mais  magra e com o cabelo ótimo.  Que cês acham?

Tô fazendo drama, eu sei. Mas me deixem fazer drama, só por hoje. E aproveitem pra me contar uma história de tragédia capilar seguida de uma recuperação feliz pra eu me sentir menos idiota/feia/ boba/ desesperançada.

7 comentários:

Luciana Nepomuceno disse...

Passei quase três anos aqui e todos os cabeleireiros cortaram meu cabelo como se usassem uma cuia. E eu sobrevivi :P

Lilian Silva disse...

"Mas que é difícil ser alegre sabendo que teu cabelo tá péssimo, isso é."

Tamo junta, Ju.
Agora, não precisa esperar estar saudável/linda/de cabelo crescido pra sair na rua. Saia e sambe na cara desse bad hair day/life.
E eu tenho várias histórias de superação capilar. Uma vez cortei meu cabelo com MULLET (sabe aquele penteado tosco dos anos 80?). Fiquei com vergonha por meses. Eu era uma garota de 13 anos. Foi uma péssima fase. E passou. E outras vieram. Cabelo é uma tristeza. rs

Claudine Faleiro Gill disse...

É isso mesmo, cabelo cresce! Meu cabelo é cacheado e uma vez queria um corte curtinho, levei referências para a cabeleireira e tudo. Ela cortou com muita segurança, levei a maior fé na hora. Quando meu cabelo secou, ficou parecendo que eu tava com uma cuia na cabeça, o cabelo não pegava outra forma de jeito nenhum... mas é aquela coisa, cabelo cresce...paciência aí, um dia você vai acordar e ver que ele cresceu e tá lindo.

Adoro seus textos. Um beijo!

Lais Alencar disse...

Ju eu tenho tanta história que dá um livro. Kkkkkkk os primeiros dias são ruins mesmo... fica difícil saber o que fazer pra amenizar. Mas vc vai encontrar formas de lidar com o bendito ou pelo menos domar até crescer! ;)

Repete o mantra td dia que dá certo.

Andrea disse...

Já se acostumou com o corte? :)

Sim, cabelo cresce e eu estou sofrendo justamente por isso: convivo com um undercut em fase de crescimento. Sabe o que é ter quase metade da cabeça num comprimento que ainda não dá pra prender? O pior é que eu já tive um sidecut e passei pela mesma coisa, mas não aprendi! Fiquei meses com a metade superior da lateral direita (?) crescendo e foi uma situação bizarra, analisando agora. O.o

Juliana disse...

Eu não gostei do corte, Andrea, mas tô mais conformada! Não tem outro jeito ...Tenho uma aluna com sidecut crescendo e fico nervosa de ver. Hahahaha

Andrea disse...

Muito amor pra sua aluna porque é um momento tenso na vida. Se você fica nervosa vendo, imagina tendo um? E vou mais longe que eu esqueci de comentar: meu cabelo é cacheado. Imagina um sidecut ou undercut em fase de crescimento num cabelo cacheado?! Pois é, mas eu sobrevivi/estou sobrevivendo e aposto que farei arte parecida no futuro, hahaha.

Ju, força que logo logo o corte perde o formato (isso será bom, certo?).