sexta-feira, 3 de julho de 2015

Só por ela ser






"Quem dera pudesse todo homem compreender, ó mãe, quem dera
Ser o verão no apogeu da primavera
E só por ela ser"

Nenhum comentário: